Páginas

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Eu vejo um mundo maravilhoso

Eu vejo árvores e pássaros,
Um céu azul 
Eu vejo a lua entre eu e você 
Sem barreiras, 
Sem cercas, 
Sem placas.
Eu canto essa canção para o selvagem,
 E caço todas as estrelas do lago.
 Sem mais tempo, 
Essa noite. 
Espere pela perda 
Espera pelo tempo 
Sem mais lágrimas,
 Viva somente pelas memórias.

- Jean Lacerda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :