Páginas

quarta-feira, 18 de junho de 2014

“Era como ela se encontrava. Vazia, sem nenhum tipo de emoção descritível.
Ela se encontrava com o coração vazio, com as mãos inquietas e com os pensamentos em algum lugar que já fez ela ser feliz.”

- Juliana Aquino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :