Páginas

quinta-feira, 1 de maio de 2014

Mas o amor, meu bem, permanece.

Ninguém vai te abraçar tão bem quanto eu, nem te ouvir tão atentamente como eu te ouvia. Eu sei e você também sabe, que a tua boca jamais se encaixará tão perfeitamente em outra, como se encaixava na minha. Você irá sorrir, dará gargalhadas, será feliz. 
Mas não tanto quanto era comigo. Terá outros amores, romances e casos, mas nada será igual ao que eu fui pra você. Conhecerá ótimos pretendentes e eles quase chegaram ao que nós fomos, quase. Mas não o suficiente. A razão te engana, teus amigos te enganam, tua família te engana, mas o teu coração não. Este sim, sempre te lembrará, pelo menos uma vez ao dia, que nada, nunca, será equiparado à nós. A fila anda, a catraca gira, o tempo não para. Mas o amor, meu bem, permanece. 

- Allax Garcia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :