Páginas

quarta-feira, 9 de abril de 2014

"Fotos de amor são ridículas, mas ainda mais ridículo é nunca tirar fotos de amor. (…)
Fotos ridículas e inesquecíveis, adequadas para chantagem e suborno, mas que se tornam – por vias tortas – recompensas do amor.
São justamente as fotos que vamos procurar para sentir saudade."

- Fabrício Carpinejar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :