Páginas

quinta-feira, 6 de março de 2014

Eu não posso te perder, se não eu me perco

Mas eu me apeguei muito fácil a você. 
E é aquela vontade de pegar você pra mim, cuidar e não deixar ninguém se aproximar ou te fazer mal. É a saudade depois da sua mensagem de boa noite e o desespero quando acordo para te dar bom dia. E como não se apaixonar com esse seu jeito lindo de ser? Quando olha para o lado e fica mexendo nas mãos por timidez de encarar ou quando você faz bico e sorrir depois, e bate aquela vontade de agarrar e não soltar nunca mais. Mas às vezes eu me pego sendo idiota contigo, faço birra, drama e quando sinto ciúmes me transformo na pessoa mais chata do mundo. Mas é só medo … Medo de te perder e um pouco de espera para você insistir em mim, mas esse meu jeito babaca acaba te afastando. Eu amo você faz muito tempo, mas antes era diferente. 
Eu era corajoso, não tinha medo de quase nada, autoconfiança e não demonstrava muito sentimento “o mestre de não demonstrar fraqueza”. E com você é como se eu perdesse um pouco dessa armadura, você virou um dos meus pontos fracos e a unica coisa que eu sei agora é que “eu não posso te perder, se não eu me perco”.

 — Engelberg for Amanda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :