Páginas

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Sou como uma incógnita. Tem dias que está tudo bem. Já em outros, tá tudo na merda.
Tem dias que minha vontade é sair por aí fazendo todo mundo dar risada e também tem dias que a minha vontade é ficar trancado dentro de casa deitado na cama, ouvindo minhas músicas e encarando o teto. 
Sei lá, enquanto eu não consigo manter um padrão, cada dia é diferente.
 Tenho é dó de quem tem que conviver comigo. 

— Arthur Macedo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :