Páginas

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

São tantas as coisas que eu queria te falar e contar. 
E eu sigo fantasiando que você entende tudo e melhor que todo mundo. 
E isso acaba comigo, mas, ao mesmo tempo, me tira um pouco da chatice burra e apática de sempre. 
E então, me vem a ideia de realmente te contar as coisas. E por isso escrevo.
Porque se você entra aqui pra ler é você que, com todo o meu amor que você nem imagina, consegue sentir como sendo seu. 
Não me esquece, por favor. Eu nunca vou esquecer você.

 — Tati Bernardi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :