Páginas

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Não por mim, nem por você… Mas por nós.

Só me fala que vai me aturar. 
Aturar minha mente confusa, minha memória irritante, 
minha sinceridade exagerada. 
Aturar quando eu falar que te amo mais e também quando eu não falar que te amo. 
Aturar e segurar tudo não por mim, nem por você… Mas por nós. 


- Tati Bernardi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :