Páginas

domingo, 9 de fevereiro de 2014

As relações são muito frágeis. 
As amizades, mesmo longas e firmes, são muito frágeis.
 O amor, por mais forte que seja, é muito frágil. 
Porque todo mundo se magoa, se fere, se atinge. Mesmo sem querer. 
Mas o que importa é o que a gente faz com isso, como a gente lida com a situação. 
O que importa é a gente querer fortalecer as coisas. 
Com clareza, maturidade e entendendo que não existe lado A ou B: 
todo mundo está do mesmo lado.

 — Clarissa Corrêa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :