Páginas

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

“Eu preciso sentir que você ainda sente, eu preciso que o seu coração dê um choque no meu, eu preciso saber que seu peito ainda aperta um pouco quando eu vou embora e se espalha como borboletas nas veias quando eu chego.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :