Páginas

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

“Só não me chame de fraca. 
Você não imagina quantas vezes pedi à mim mesma para parar de chorar, 
e tive que sair por aí com um sorriso que não era meu.” 

A Orfã 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores :