Páginas

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Será que o seu olhar é de apaixonado?

Aquela troca de olhares me fascinou.
Foram longos 4 segundos. Tentei desviar, mas foi impossível.
Você me domina e me enlouquece com o olhar.
O meu olhar é de apaixonada e o seu será que também é?

- Letícia Helena Canela
Que vontade de te abraçar, de te hipnotizar.
Estou desvairada, desejando seu amor.

- Letícia Helena Canela

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E lastimava, ignorante, a falta.
Hoje não a lastimo.
Não há falta na ausência.
A ausência é um estar em mim.
E sinto-a, branca, tão pegada, aconchegada nos meus braços,
que rio e danço e invento exclamações alegres,
porque a ausência, essa ausência assimilada,
ninguém a rouba mais de mim.

- Carlos Drummond de Andrade
"What consumes your mind, controls your life."

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

"Às vezes é preciso se arriscar e se satisfazer, realizar desejos e sonhos. Confesso que estou com um pouco de medo, mas isso não irá me atrapalhar, só espero que você não me machuque muito, depois que eu me entregar."

- Letícia Helena Canela
"A alma não tem segredo que o comportamento não revele."
- Lao Tsé

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

"O beijo deve ser dado de forma delicada, sentindo o toque, a respiração, deve ser degustado lentamente, e por tempo prolongado.
O beijo vem para selar o desejo dos corpos, pois os lábios quando se tocam faz o corpo inteiro se manifestar, e desejar se tornarem um só, e deste instante em diante a única voz que se ouve é a do coração."

- Jeferson Cury
"A vontade não passa, o desejo muito menos.
Quero me completar com você."

- Letícia Helena Canela

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

"Quero sentir o calor da pegada, do corpo a corpo, quero sentir o doce do beijo, o extrair do folêgo, hoje eu quero fazer tudo que passa na tua mente."

- Paulo Cesar Costa Karini
Eu quero de novo aquele beijo, que calou meu silêncio.
Ver teus olhos se fecharem ao sentir o gosto do amor em minha boca.
E ouvir o vento dizer por nós: eu te amo! enquanto nossas bocas estiverem ocupadas...

- Álefy freitas
É possível não sentir esses arrepios ao lembrar-me do toque, do cheiro, do beijo dele?

- Caio Fernando Abreu
“Depois do beijo senti que estava apaixonado”

- Andrean Cardoso

sábado, 31 de janeiro de 2015

Deitar contigo

Ando por aqui, 
e por ali, 
a fim de te encontrar, 
e te sentir sem fim. 
Passo na sua porta, 
e enlouqueço... 
Só de pensar em teu corpo 
encho-me de desejo. 
Mas eu sigo... 
Sigo meu caminho, 
pensando na volta, 
e na vontade de deitar contigo.

―Maurivânia Medeiros

Você

[...] Como queria agora poder te beijar, te abraçar, te acarinhar, te acolher no meu peito e descobrir cada pedaçinho do seu corpo, ter seu cheiro grudado no meu corpo como se fosse parte de mim.
Você deslizando suas mãos no meu corpo, falando palavras carinhosas dando beijos molhados em meu ouvido, sentir seu corpo no meu como se ele já pertencesse a você a muito tempo.
O arrepio entrega! Não consigo esconder o quanto você me envolve só em me olhar, só de estar perto.
A vontade louca de beijar é declarada em nossos olhares, o corpo não esconde fica tudo explícito, tudo a flor da pele ....
Soube que seria assim no momento em que olhei em teus olhos e nos abraçamos pela 1ª vez, como amigos, foi então que descobri que entre nós existia muito mais que uma grande amizade.
A vontade de tocar, beijar, sentir um ao outro foi maior e não resistimos. Foi a melhor coisa que me aconteceu ter você em mim.
Agora ficou a vontade de sentir seu toque, seus beijos, seu corpo e seu cheiro, mas a incerteza me deixa com medo desse sentimento enlouquecido que sinto por você.

- Ana Paula Lima

O Beijo

Os olhos se fitam e involuntariamente os corpos se aproximam.
Sinto o calor de seu corpo aumentar, meu coração bate aceleradamente.
As faces ficam tão próximas que quase se tocam.
Seu ar ofegante ofusca minha visão.
Levanto meus olhos e me perco em você
Sinto sua saliva doce molhar meus lábios e fico embriagada de prazer, me falta o ar.
As mãos procuram no seu corpo a fonte do meu desejo, ao tempo que o confronta contra o meu corpo, na tentativa de perdurar o momento.
Inexplicável, não sei onde estou não sei o que há em volta, não sei o que ouço, não sei se ouço alguma coisa.
Sei apenas que estou hipnotizada pelo seu beijo e seu abraço.
Em alguns segundos o coração descompassado tenta voltar ao seu ritmo natural, os corpos se afastam lentamente.
As mãos ainda se tocam, mas com leveza e sutileza. 
Levanto meus olhos e me perco em você.

- Need4Speed
"Um abraço apertado,
Um beijo no rosto, 
A vontade infinita
De sentir o teu gosto.
O carinho , a carícia
O toque o desejo,
E no olhar a malícia
de quem quer outro beijo."

- Dato de Oliveira
"Ninguém deve culpar-se pelo que sente, não somos responsáveis pelo que nosso corpo deseja, mas sim, pelo que fizemos com ele."
- Érico Veríssimo

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Seu olhar me tira a calma, me invade, despindo lentamente minha lucidez, um olhar cheio de malicias e desejos me fazendo levitar sem sair do chão, desejar o proibido e querer me perder e não em encontrar mais, ahhh este olhar que diz tudo e me faz sentir viva, como é gostoso este olhar...

- Renata Quintas

Seguidores :